-->

sábado, 15 de março de 2014

Zenóbio diz que Léa o acompanha em suas decisões políticas e apoiará Cássio


O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano (PSDB), disse nesta quinta-feira (13), pela manhã, em seu programa de rádio, semanal, que a deputada estadual Léa Toscano (PSB) o acompanhará em sua decisão politica de optar pela candidatura a governador de Cássio Cunha Lima. Ele disse que o casal não vai desperdiçar um casamento de 43 anos, por político algum, referindo-se a Ricardo Coutinho, e por isso Léa segue por onde ele for. Em outras palavras foi o que o líder tucano em Guarabira, quis dizer.

Zenóbio também abriu as baterias contra o governo e disse que a cidade vem sendo prejudicada pela perseguição do governador. Ele disse que o Estado havia destinado uma ambulância para o município, mas que até agora não recebeu nada. “A ambulância parece que sumiu do mada!” disse ZT.

Ele disse que espera, que sua decisão politica não faça com que o governador volte atrás nos acordos firmados, com relação a parceria entre governo do estado e prefeitura, para a reforma do mercado público.

As projeções políticas feitas por alguns analistas, parecem mesmo se configurar, e Léa provavelmente não será candidata a deputada novamente. A filha do casal Toscano, Camila deverá ser a candidata. Ela foi filiada ao PSDB ano passado.

Brejo.com

Continua a chover forte em JP, ruas alagam e oito mil famílias estão em situação de alerta

Índice pluviométrico registrado foi de 41,4, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), que prevê mais chuvas de intensidade moderada e forte para todo Litoral da Paraíba nas próximas horas

Reprodução/Instagram/Emerson Machado
Rua no bairro da Torre fica completamente alagada
As chuvas registradas em João Pessoa desde essa quinta-feira (13) continuam a provocar alagamentos em diversos pontos da cidade. Nesta sexta-feira (14), o índice pluviométrico foi de 41,4 mm, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), que prevê mais chuvas de intensidade moderada e forte para todo Litoral da Paraíba nas próximas horas.
Outro problema provocado pelas precipitações é o risco iminente de desabamento das casas de oito mil famílias na Capital. Segundo a Defesa Civil, 31 áreas na cidade estão sendo monitoradas por oito técnicos. As maiores preocupações são com o Bairro São José e a comunidade Santa Clara, no Castelo Branco, onde estão a maior concentração de famílias.
Os alagamentos em diversos bairros, a exemplo dos Bancários, Cabo Branco, Miramar e Torre deixaram o trânsito lento nas principais avenidas da cidade. As avenidas Dom Pedro II e Epitácio Pessoa foram interditadas no sentido Centro-bairro.
Avenida Sérgio Guerra - Bancários
Foto: Avenida Sérgio Guerra - Bancários
Créditos: Amanda Gabriel
Na avenida Dom Pedro II, no sentido bairro-Centro dois acidentes também contribuíram para deixar o trânsito lento no local. Na Avenida Sérgio Guerra, nos Bancários, próximo ao Centro de Práticas Integrativas do Ser, por causa do alagamento, o trânsito foi desviado para as vias paralelas e transversais do bairro. 
 Segundo a Aesa, o motivo é a formação de áreas de instabilidade oriundas da zona de convergência intertropical, principal gerador de chuvas sobre as regiões Norte e Nordeste do país, nesta época do ano.  
Chuvas também provocaram alagamento no Cabo Branco
Foto: Chuvas também provocaram alagamento no Cabo Branco
Créditos: Reprodução/Instagram/Emerson Machado 
Praça da Paz no bairro dos Bancários
Foto: Praça da Paz no bairro dos Bancários
Créditos: Reprodução/Emerson Machado 
Jardim Cidade Universitária
Foto: Jardim Cidade Universitária
Créditos: Reprodução/Twitter/De Olho no Tempo
Chuvas em João Pessoa
Foto: Chuvas em João Pessoa
Créditos: Reprodução/Jornal Correio/Assuero Lima
Assista à matéria exibida na TV Correio HD.





Doméstica morre após ser atingida por bala perdida em frente de casa, em João Pessoa

doméstica Maria de Lourdes Martins, 46 anos, foi atingida nas costas e veio a óbito no caminho do hospital

Hospital de Trauma/ Imagem Ilustrativa
Uma mulher morreu na noite desta sexta-feira (14) vítima de uma bala perdida no bairro de Rangel, em João Pessoa. A doméstica Maria de Lourdes Martins, 46 anos, foi atingida nas costas e veio a óbito no caminho do hospital.
De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava na frente de casa na companhia de netos quando quatro homens em duas motocicletas chegaram efetuando disparos. Os tiros seriam para um jovem que teria envolvimento com drogas.
Ao ouvir os disparos, o homem correu, mas foi atingido. Ele foi socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. O estado de saúde ainda não foi divulgado. Maria de Lourdes também foi atingida pelos tiros.
A mulher chegou a ser socorrida para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de receber atendimento médico. Os suspeitos dos disparos ainda não foram identificados.

Dupla é detida e confessa que matou evangélica para roubar R$ 20, confirma polícia

12
Acusados pelo crime
Uma operação conjunta entre as policias Civil e Militar da Paraíba conseguiu prender um jovem de 23 e apreender um adolescente de 16 anos, na noite desta sexta-feira (14), acusados pelo assassinato da idosa Maria José da Silva, de 74 anos, no domingo (9), na cidade de Sertãozinho, no Brejo paraibanoonde eles foram presos. Eles confessaram o crime e disseram que mataram a mulher para roubar R$ 20. A dupla morava na mesma rua da vítima, conforme informou o delegado Luciano Soares, chefe da Polícia Civil no Brejo do estado.
Segundo o tenente-coronel, Arilson Valério, comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar, viaturas da PM e do Grupo Tático Especial (GTE) entraram em diligências para prender os suspeitos, após levantamento feito pela Polícia Civil, durante quatro dias.
O delegado disse que os suspeitos foram presos dentro de casa e não reagiram à prisão. Eles deram detalhes de como ocorreram o assassinato e levaram os policiais ao local do crime e onde teriam jogado a bolsa de Maria José.
“Os suspeitos confessaram o crime e disse que o maior deu uma espécie de ‘gravata’ no pescoço da vítima (provocando asfixia mecânica) e o menor tomou a bolsa da mulher e ainda deu um chute no abdômen dela. Os dois levaram os policiais onde teriam jogado a bolsa dela após roubarem R$ 20. Os rapazes moravam na mesma rua da vítima”, disse Luciano Soares informando que a dupla será levada para a Central de Polícia Civil de Guarabira e será apresentada a Justiça neste sábado (14).
Na quinta-feira (13), o Instituto de Polícia Científica (IPC) de João Pessoa confirmou que a morte de Maria José foi provocada por traumatismo craniano. Os peritos encontraram hematomas no abdômen e tórax da vítima e afundamento de crânio. A mulher foi encontrada caída em uma estrada de barro no domingo (9).
A Polícia Civil confirmou que o crime trata-se de latrocínio, que é roubo seguido de morte."Com a queda, ela deve ter batido a cabeça em alguma pedra e ter provocado o traumatismo", revela o delegado.
De acordo com informações da família, a mulher saiu de casa com destino a uma igreja evangélica e no caminho teria sido atacada por bandidos, que a espancaram e roubaram a bolsa dela.

domingo, 9 de março de 2014

Malásia investiga possível falha de segurança em aeroporto

  • Navio de busca e salvamento partiu de Phu Quoc, uma ilha do Vietnã, para procurar o avião da Malaysia Airlines
    Navio de busca e salvamento partiu de Phu Quoc, uma ilha do Vietnã, para procurar o avião da Malaysia Airlines
Autoridades da Malásia estão examinando gravações de câmeras de segurança e interrogando oficiais de imigração e guardas do aeroporto internacional de Kuala Lumpur, preocupadas com a possibilidade de que uma falha de segurança possa estar conectada ao desaparecimento do voo MH370, da Malaysia Airlines.
Ampliar

Avião da Malaysia Airlines com 239 a bordo desaparece21 fotos

4 / 21
8.mar.2014 - Ahmad Jauhari Yahya, CEO da Malaysia Airlines, fala durante entrevista coletiva em um hotel em Sepang, nos arredores de Kuala Lumpur, Malásia Leia maisLai Seng Sin/AP
Suspeitas de que o voo, que tinha como destino Pequim, mas desapareceu com 239 pessoas a bordo, foi sequestrado ou alvo de explosão cresceram depois que autoridades descobriram que pelo menos dois passageiros usaram passaportes roubados.

ONDE FICA A MALÁSIA

Investigadores malaios, apoiados pela polícia federal norte-americana, o FBI, estão investigando as identidades de quatro passageiros do voo em particular, disseram duas autoridades do país à Reuters.
Os quatro são dois passageiros que usaram passaportes europeus, possivelmente da Ucrânia, além de dois que viajaram com passaportes da Áustria e da Itália, disseram as fontes.
"Nossos investigadores estão analisando todos os vídeos de segurança. Eles também estão interrogando os oficiais que permitiram a passagem dos impostores", disse uma autoridade com conhecimento direto da investigação.

MANCHAS DE ÓLEO QUE PODEM SER DE AVIÃO QUE SUMIU SÃO AVISTADAS

O diretor da agência malaia de aviação civil afirmou a jornalistas no domingo que dois "impostores" conseguiram passar pelo check-in e pelo portão de embarque.
Um porta-voz da Malaysia Airports Holdings, que opera os aeroportos do país, não comentou o assunto.
Perguntado sobre o nível de suspeita sobre os quatro suspeitos, a segunda fonte afirmou: "Há indicações iniciais, mas é muito cedo (...)quem sabe o que aconteceu no avião? Mas estamos mantendo a mente aberta."
O momento do incidente, uma semana depois que homens armados com facas mataram pelo menos 29 pessoas em uma estação de trem na cidade chinesa de Kunming, criou suspeitas de que militantes da minoria muçulmana Uighur, da China, possam estar envolvidos no desaparecimento do avião.
Uma das autoridades malaias afirmou que as autoridades não descartam o envolvimento do Uighur no desaparecimento do jato da Malaysian Airlines, citando que os membros do grupo foram deportados da Malásia para a China em 2011 e 2012 por portarem passaportes falsos.
"Isso não está sendo descartado. Nós já deportamos membros do Uighur que tinham passaportes falsos. É muito cedo para dizer se há uma ligação", disse a autoridade.
  • Reprodução de site mostra a última posição informada do voo MH370, da Malaysian Airlines, em vermelho. De acordo com o portal flightradar, o último contato aconteceu 40 minutos após o voo, já a Malaysian Airlines fala em cerca de 1 hora
Ampliar

Acidentes aéreos no Brasil e no mundo200 fotos

1 / 200
Fotografia fornecida pelo xerife do condado de Polk, Mulberry, Florida (EUA), mostra um avião pilotado por Shannon Trembley, de 87 anos, em queda livre no chão depois de colidir com paraquedista John Frost. O acidente ocorreu porque o avião enroscou-se nas linhas do paraquedas, no sábado (8). Ambos sobreviveram ao encontro e só tiveram ferimentos leves Tim Telford/Polk County Sherrifs Departament /EFE/EPA

PSDB fará consulta após Carnaval e resultado só deve ser divulgado em 30 dias

A Executiva Estadual do PSDB na Paraíba decidiu, por unanimidade, realizar consulta popular para definir se lança ou não candidatura própria ao Governo do Estado este ano. Os dirigentes se reuniram por mais de duas e meia na manhã desta segunda-feira (24) na sede do partido, em João Pessoa. Em entrevista coletiva, o senador Cássio Cunha Lima disse que essa consulta deve levar "de 20 a 30 dias" e que será iniciada logo após o Carnaval. 

Outra decisão ratificada pela Executiva Estadual do PSDB foi a de que os filiados devem ocupar cargos de primeiro e segundo escalões que ocupam no Governo do Estado. Segundo o senador, não se trata de rompimento político com o partido do governador Ricardo Coutinho, mas um posicionamento ético do PSDB, para que a legenda fique à vontade sobre a consulta.

Logo após a reunião, sem a presença da imprensa e com acesso restrito apenas aos integrantes da Executiva Estadual do PSDB, o senador Cássio Cunha Lima falou em nome da legenda aos jornalistas. Ele relembrou que permaneceu calado após o processo da cassação do seu mandato pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não fez nenhum confronto com a gestão de José Maranhão (PMDB). 

Segundo ele, em 2010 a aliança com o PSB e com outras legendas, para que o PSDB apoiasse o nome de Ricardo Coutinho ao Governo do Estado, foi feita sobre uma carta-compromisso (de intenções). "Durante esses mais de três anos, não se apontará um único gesto meu que não tenha sido de contribuição, para que o governo tivesse os resultados desejados", disse. "Não fiz embate fora de época. Cumpri minhas obrigações como senador, ao lado do senador Cícero Lucena". 

Cássio afirmou que "chegou a hora de ouvir o povo da Paraíba, que é quem tem a soberania do voto". Ele disse que, após o Carnaval, será apresentado um calendário "não apenas à base partidária, mas também aos aliados e ao povo da Paraíba". 

Ele disse que o PSDB teme como apurar essa decisão de diversas formas. "Quanto mais os partidos estejam próximos da sociedade, mais eles têm capacidade de apurar a representação do sentimento da maioria da sociedade. É isso que o PSDB tem que fazer mais uma vez", comentou. "Não existe rompimento, mas uma posição ética e clara de deixar os espaços no governo, para que o partido fique à vontade". 

Participaram da reunião da Executiva Estadual do PSDB o deputado federal Ruy Carneiro, o vice-prefeito de Campina Grande, Ronaldo Cunha Lima Filho; o ex-deputado Pedro Medeiros; o empresário Eduardo Ribeiro Coutinho, os senadores Cássio e Cícero Lucena,o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues; o deputado estadual Antônio Mineral; o ex-prefeito de Princesa Isabel, Sidney Oliveira; o ex-deputado Dinaldo Wanderley, Geraldo de Assis Júnior, José Silveira e Fábio Fernandes.  

Portal Correio

Colisão entre motos deixa vitima fatal entre Lagoa de Dentro e Duas Estradas

Uma grave colisão entre duas motos vitimou fatalmente mais uma pessoa entre Lagoa de Dentro - PB e Duas Estradas - PB no trecho próximo a ladeira vermelha.O fato ocorreu no final da manhã deste sábado, 08, quando a vitima fatal José Antonio Mendes da Silva Filho, 20 anos, (popular Painho) residente em Duas Estradas, PB, conduzia uma moto Honda, preta, placa NPX 6951 PB colidiu frontalmente com uma outra moto conduzida por Djalma Vicente Ferreira, que residente em Lagoa de Dentro - PB, de aproximadamente 30 anos de idade.A primeira vitima não resistiu e morreu na hora no local, já a segunda vitima foi atendida por equipes do SAMU e do corpo de bombeiros e foi removida para o hospital regional de Guarabira, PB.A ocorrência foi inicialmente atendida pelos sargentos Dinarte e Edvaldo do destacamento de Duas Estradas - PB.








Leonaldo Ferreira
Category:

Concurso Público Banco do Brasil oferece vagas para o Ceará


09/03/2014 - O Banco do Brasil realiza, até o próximo dia 20, as inscrições do concurso que tem o objetivo de formar cadastro reserva para 456 oportunidades em diversos cargos de níveis médio/técnico e superior.

Quem possui nível médio/técnico pode se candidatar a auxiliar de enfermagem do trabalho (49) e técnico de segurança do trabalho (83). Os salários são de, respectivamente, R$ 3.673,08 e R$ 4.748,23, com jornadas de 40 horas semanais.

Profissionais com nível superior optam entre as carreiras de enfermeiro do trabalho (34), engenheiro de segurança do trabalho (60) e médico do trabalho (230). As remunerações correspondem a R$ 5.713,68 (enfermeiro), R$ 8.707,19 (engenheiro) e R$ 6.734,15 (médico). As jornadas de trabalho são de 40 horas semanais, exceto para médico, que tem carga semanal de 30 horas.

A participação no certame deve ser garantida por meio do site da Fundação Cesgranrio (www.Cesgranrio.Org.Br). Os valores das taxas são de R$ 45 (médio/técnico) e R$ 83 (superior).



As avaliações, compostas por exame objetivo e redação, terão duração de cinco horas e serão aplicadas no dia 4 de maio.

Os testes contarão com questões de conhecimentos básicos (língua portuguesa e cultura organizacional) e conhecimentos específicos.

Lotação

As oportunidades estão distribuídas entre os Estados de São Paulo (112), Rio de Janeiro (24), Minas Gerais (27), Espírito Santo (12), Acre (4), Amapá (4), Amazonas (14), Pará (12), Rondônia (4), Roraima (4), Tocantins (4), Alagoas (4), Bahia (20), Ceará (17), Maranhão (12), Paraíba (7), Pernambuco (12), Piauí (12), Rio Grande do Norte (12), Sergipe (4), Goiás (13), Mato Grosso (12), Mato Grosso do Sul (7), Paraná (28), Rio Grande do Sul (21) e Santa Catarina (21), além do Distrito Federal (33).

Diário do Nordeste

Apenas 31 cidades possuem postos de atendimento do INSS, na Paraíba; Confira


Apenas 31 cidades possuem postos de atendimento do INSS, na Paraíba; ConfiraSem ter outra opção, paraibanos de 192 municípios precisam se deslocar para outras cidades para obter serviços nas Agências da Previdência Social (APS), ligadas ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Na prática, a falta de postos de atendimento da Previdência Social atinge 85,6% dos 223 municípios do Estado. Ou seja, os postos só existem em 31 cidades do Estado.

Serviços online e pelo telefone 135, da Central de Atendimento, servem apenas para agendamentos de consultas, cálculo de contribuição, acompanhamento de processos. Já para dar entrada em alguns benefícios desde um simples cadastro de senha, auxílio-doença e aposentadoria necessitam da presença física do usuário. Entre outros incômodos, esta realidade traz perda de tempo e de dinheiro para a população.

O gerente executivo do INSS de João Pessoa, José Antônio Coelho Cavalcanti, explica que existem pré-requisitos para instalação de uma APS e um deles é o número de habitantes.

“Só é possível implantar uma APS em cidades acima de 20 mil habitantes”, enfoca.

Mas para o servente de pedreiro João Manuel da Silva, não é fácil enfrentar esta carência dos postos de atendimentos.

Morador da cidade de Pilar, ele viajou 65 km para buscar o serviço do INSS da capital paraibana. O município tem 11.620 habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e não conta com APS. “Tenho hérnia e fui operado. Preciso do auxílio-doença porque estou há dois meses sem receber dinheiro”, contou. Esta, porém, não foi a primeira viagem feita por José Manuel em busca do benefício. “Já tinha ido na cidade de Itabaiana, mas lá disseram que não tinha vaga. Então tive que gastar dinheiro de novo e vir para João Pessoa”.

O gerente executivo do INSS de Campina Grande, Eleumar Meneses Sarmento, é contundente e diz que pela Central de Atendimento “não se resolve nada”, o uso é basicamente para agendamentos.

O advogado e assessor jurídico da Federação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos da Paraíba, André Castelo Branco, disse que a falta de unidades do INSS na maioria dos municípios paraibanos torna-se um problema não só para idosos, mas para outros segmentos da sociedade, como portadores de necessidades especiais.

Para este público, a maioria carente, ele caracteriza o deslocamento como uma verdadeira via crúcis. “A maioria das pessoas que recebe benefício ou assistência da Previdência Social é carente. E para requerer este serviço em outra cidade às vezes se torna uma via crúcis. Há o prejuízo de ordem econômica, que é dispendioso, e também outros incômodos.

Geralmente esta pessoa cuida de um marido doente, um neto, enfim, deixa seus afazeres para viajar. Só sabe é quem passa”, enfocou.

André Castelo Branco afirmou ainda que quando chega à agência da Previdência, o atendimento costuma ser demorado, o que causa mais transtorno ao cidadão. De acordo com ele, por mais que a autarquia tente agilizar o atendimento com agendamentos o serviço é lento. “Isso porque eles também contam com pouco pessoal”.

com jornaldaparaiba
Poderá também gostar de: